Dicas para economizar na ceia de Natal sem perder o espírito Natalino

23 de dezembro de 2022

Invista em algo diferente

Vem pra Fido »

Precisando de empréstimo?

Vem pra Fido »

Substituições de produtos, planejamento e compras em conjunto estão entre as sugestões para não comprometer o orçamento.

O Natal é um período de aumento de gastos e não custa nada dar aquelas dicas para economizar e que no fim do ano serão importantes para fechar as contas

Por isso, continue a leitura e acompanhe o material que preparamos para que você tenha um momento especial sem comprometer o orçamento. Neste artigo você vai ver:

  • A Fido mantém o compromisso com você de dar as melhores dicas de educação financeira;
  • 7 dicas para economizar na ceia de Natal;
  • Com a Fido ajuda você a deixar o orçamento no azul.

Compromisso com você

Durante todo o ano a Fido produziu conteúdos voltados para a educação financeira nos mais diferentes temas e não poderíamos deixar o período do Natal de fora dessa estatística. Então, mesmo que a grana esteja curta, há formas de fazer uma ceia apetitosa, que vai deixar o espírito natalino vivo e a família reunida no entorno da mesa. Afinal, esses momentos são os que vão ficar na memória e fazer do Natal uma data inesquecível.

1 - Planeje os seus gastos e faça um cardápio

Antes de ir às compras, pense no quanto você pode investir na sua ceia de Natal. Ou seja, planeje os seus gastos. Para isso é importante ter um cardápio, pois assim será possível ser mais assertivo nas compras. Afinal, se você não souber o quanto será possível comprometer do orçamento correrá o risco de fechar as contas de maneira negativa.

2- Pesquise os preços

Uma das dicas para economizar na ceia de Natal, é pesquisar preços. Como a inflação vem corroendo parte dos ganhos dos brasileiros, não custa nada fazer pesquisa antes de ir às compras. Mas lembre-se de que é preciso considerar também os custos de deslocamento como combustível ou outro tipo de transporte para que a economia valha a pena.

3 - Adapte a sua ceia

A cozinha tem uma vantagem que pode ser considerada a melhor de todas: a versatilidade. Ou seja, a grande maioria dos preparos e cardápios pode ser adaptada. Assim, se o preço do peru estiver alto, que tal servir frango? Pode parecer trivial, mas nada que um preparo mais elaborado e uma apresentação bonita não ajudem. Lombo, tender e pernil suíno também são boas ideias para servir na ceia, pois geralmente o porco costuma ser mais barato e a variedade de cortes contribui na procura do melhor preço.

Sugestões de substituições

Quer saber quais substituições fazer? Olha as ideias que preparamos para você.

  • Peru ou chester por frango;
  • Bacalhau por cação;
  • Carne de porco - há opções com preços acessíveis e você pode pesquisar entre tender, pernil ou lombo;
  • Frutas importadas por frutas da estação;
  • Castanhas importadas por brasileiras.

4 - Opte pelos produtos da estação

Muitas famílias costumam decorar a mesa com frutas e castanhas durante a ceia, porém se a ideia for usar tâmaras turcas e cerejas frescas, por exemplo, o custo do cardápio irá lá para cima. Por isso, procure produtos da estação, como uva, pêssego e abacaxi. 

5 - Faça uma reunião colaborativa

Caso você decida transformar a ceia em uma reunião de família, não se sinta na obrigação de bancar todos os custos. Converse com os seus convidados e entre em um consenso de dividir as despesas ou os preparos. Deste jeito, cada um leva um prato e a bebida que irá consumir. Assim, o orçamento não ficará no vermelho e você não assumirá gastos fora do planejado.

6 - Coloque a mão na massa

Os restaurantes oferecem várias opções de ceia natalina para quem pretende comer no local ou encomendar os preparos para fazer a refeição em casa. No primeiro momento isso pode ser muito prático, mas tem certeza que o seu bolso está preparado? Caso opte por fazer a refeição fora de casa, haverá custo com bebida e taxa de serviço. Por isso, a dica para economizar na ceia é fazer você mesmo. Peça ajuda da família, divida as tarefas e se precisar assista vídeos para aprender a fazer aquele prato especial. Assim, o momento ficará mais saboroso e a conta mais baixa.

7 - Opte pelas compras em conjunto

Os atacados costumam ter preços mais atrativos, pois vendem produtos em maiores quantidades. Desta forma, uma sugestão é juntar a família ou os amigos e fazer as compras em conjunto podendo aproveitar melhor as promoções e os descontos gerados pelos estabelecimentos.

Bônus - Fuja do pagamento com cartão de crédito

O ideal é que você pague as despesas da ceia de Natal à vista e fuja do endividamento no cartão de crédito, por isso é fundamental o planejamento. Uma das dicas é usar parte do décimo terceiro para as compras e assim não jogar as despesas para 2023.

Solução para quem precisa de ajuda

Se mesmo com todo o cuidado, você terminar o ano no vermelho e precisar de uma força, a Fido pode te ajudar. São várias opções de empréstimo P2P com juros justos e sem burocracia que podem te auxiliar a colocar as contas no azul e começar o ano de 2023 com menos preocupações.

9 conselhos para não estourar o seu teto dos gastos em 2023

Atitudes simples podem ser o início para conseguir equilibrar as contas pessoais e ter um ano tranquilo e equilibrado. Todo o orçamento precisa de um teto de gastos. Essa expressão é muito comum quando se fala em contas públicas, porém é algo que deve ser observado inclusive nas contas familiares. Quer saber como não estourar […]

5 promessas de ano novo que a as pessoas dificilmente cumprem

Mudar a maneira de pensar e agir pode ser fundamental para alcançar êxito nas resoluções de fim de ano. 2023 está batendo na porta e com ele, as promessas de ano novo. Sejam elas, cuidar da saúde, das finanças, viajar, reclamar menos e agradecer mais. Enfim, a lista que se faz é enorme em todas […]

Assine nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos em seu e-mail

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de nossa Política de Privacidade e autoriza a Fido a utilizar suas informações de contato para envio de conteúdos.
A Fido existe pra você!
Geralmente, um banco só oferece um bom empréstimo para quem já tem dinheiro, não é mesmo? E quem precisa de uma ajuda nessas horas, encontra dificuldade, taxas escondidas e juros insustentáveis.
Já quem quer investir suas economias, escolhe entre aplicar em renda fixa, com rendimentos baixos, ou enfrenta a alta volatilidade da bolsa.
A Fido nasceu com o propósito de fazer o dinheiro fluir entre as pessoas. Acreditamos que a relação com o dinheiro deve ser equilibrada, com juros justos para quem precisa e rentável para quem investe.
Seja a transformação! Faça parte da comunidade Fido!
Conecte-se com a gente
contato@fido.com.vc
Entre em contato pelo site
Mantenha-se informado
Cadastre-se para receber nossos conteúdos e atualizações por e-mail
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram