Golpes online: como proteger o seu dinheiro dessas armadilhas?

4 de novembro de 2022

Invista em algo diferente

Vem pra Fido »

Precisando de empréstimo?

Vem pra Fido »

Uma dica é saber que a maioria das ciladas promete ganhos altos, sem riscos e em pouco tempo.

A tecnologia evolui e os golpes online crescem na mesma velocidade. Se ainda temos vítimas de falsos bilhetes premiados, imagina de crimes cibernéticos que envolvem clonagem de cartões, retirada de dinheiro de contas, investimentos falsos e todo o tipo de estelionato digital que se possa imaginar. Para não ser mais uma vítima e perder dinheiro, fique atento às dicas que preparamos para que você se proteja.

Neste artigo você vai:

  • Saber que o mundo digital evolui, assim como a criminalidade online;
  • Entender que os golpes online estão crescendo.
  • Reconhecer os golpes online mais comuns.
  • Lembrar que educação financeira é a chave para não cair em golpes.

O mundo digital evoluiu e a criminalidade online também

Nos arriscamos a afirmar que todo mundo conhece alguma vítima de golpe online. Sejam eles, sites de compras falsos, Pix falso, clonagem de cartões, documentos ou redes sociais, e pirâmides financeiras, enfim a lista de é grande.

Se lá no século passado as vítimas eram abordadas nos bancos, na rua ou por ligações com as histórias mais fantásticas, com o advento da tecnologia, o inimigo não tem mais cara. Ou melhor, até tem, mas se protege atrás das telas. Assim, as formas de aplicar golpes se multiplicaram e a dificuldade de identificar os criminosos também. Por isso, nunca é demais lembrar da importância de cuidados básicos para não cair em ciladas e perder dinheiro.

Crescem os golpes onlines

Uma pesquisa feita pela consultoria alemã Roland Berger, em 2021, apontou que o volume de golpes online no país já havia superado os de 2020 e colocado o Brasil no quinto lugar mundial, atrás apenas dos EUA, Reino Unido, Alemanha e África do Sul. 

Outro levantamento, feito pela empresa de cibersegurança Norton, mostra que 58% dos brasileiros entrevistados sofreram algum golpe. A pesquisa estima também que 71 milhões de brasileiros sofreram ataques cibernéticos até o início deste ano. A estimativa é de que em 2021, cerca de R$ 32 bilhões foram perdidos em golpes. Além disso, 37% dos entrevistados afirmam que detectaram software malicioso em um computador, rede wi-fi, smartphone, tablet, casa inteligente ou outro dispositivo conectado e 10% sabem que suas informações pessoais foram expostas em vazamento de dados.

Golpes onlines mais comuns

Agora vamos listar e explicar brevemente alguns dos golpes aplicados nos ambientes digitais.

Phishing

Em primeiro lugar, abordamos um dos golpes mais antigos da internet. O criminoso envia uma mensagem falsa, geralmente se passando por uma marca famosa ou entidade governamental, seguida de um link. Ao clicar nesse link e preencher os dados pedidos, você poderá ter todos os dados roubados. Eles vêm, por exemplo, através de SMS, WhatsApp e qualquer outro serviço de mensagem. Nesse caso, é fundamental sempre duvidar e, claro, buscar informações diretamente com a empresa ou entidade para confirmar se a mensagem é verdadeira.

Clonagem de WhatsApp

Você com certeza conhece alguém que já caiu nesse golpe. A pessoa recebe uma ligação, de alguém se passando por um órgão público oficial, por um banco ou qualquer outra entidade considerada idônea, por exemplo, e faz algumas perguntas. Então, pede para a pessoa confirmar um número que recebeu por SMS. Quando a vítima confirma esse número, o WhatsApp dela é clonado. Os criminosos entram em contato com os números que estão na agenda e pedem dinheiro emprestado. Como usam a conta oficial da vítima, muitas vezes eles conseguem. A principal forma de se evitar a clonagem de WhatsApp é fazer a verificação em duas etapas, que você pode alterar nas configurações do aplicativo.

Pix no WhatsApp

Esse é o golpe mais comum na atualidade. Consiste em o criminoso usar uma foto da vítima, dizer que mudou de telefone e pedir para depositar valores, via Pix, para uma terceira pessoa. Aqui a dica é desconfiar sempre nesses casos e não fazer depósito nenhum para pessoas que não conhece sem antes confirmar. Quando você receber uma mensagem dessa, ligue para a pessoa que está te pedindo dinheiro, ela vai te confirmar se realmente é um golpe ou não.

Venda de produtos usados

A gente falou até agora de golpes via WhatsApp, mas o Instagram é outro aplicativo cada vez mais usado por criminosos. Aqui, por meio do phishing, o usuário clica em um link e faz com que a pessoa tenha acesso à conta. Nesse momento, começa a publicar anúncios de produtos usados, geralmente eletrodomésticos, por preços muito baratos. A pessoa que se interessa faz o Pix e, nesse momento, os golpistas cortam o contato. Assim como o WhatsApp, você pode evitar que sua conta seja clonada ativando a verificação em duas etapas nas configurações do aplicativo, além de criar uma senha mais difícil, misturando letras, números e caracteres especiais.

Produtos de marca com preços baixos

Se você usa Instagram ou Facebook, já deve ter visto o anúncio da marca de óculos de sol, Ray-Ban, com preços muito abaixo dos praticados. Ao entrar no site, a pessoa cai no golpe do phishing e tem todos os dados roubados. A dica aqui é simples: desconfie sempre de produtos vendidos abaixo do preço de mercado.

Clonagem do cartão

Cuidado com cadastros falsos que pedem senha e número de cartão de crédito. Se você fornecer, será um prato cheio para os bandidos irem às compras. Uma dica quando for utilizar o cartão de maneira online é pedir um virtual que perde a validade após o uso.

Pirâmide financeira

A pirâmide financeira é antiga, porém ainda atrai pessoas com a promessa de dinheiro fácil. Você investe uma quantia inicial, chama parentes e amigos para participarem do investimento e o retorno não vem. Quando se dá conta, a pirâmide já quebrou e os fundadores sumiram com o dinheiro. Desconfie daquilo que prometer rentabilidade acima do mercado e rendimento alto sem risco.

Lançamento de novas criptomoedas

São ofertas de novas moedas antes mesmo que elas cheguem ao mercado. As pessoas apostam na valorização das criptomoedas, compram ativos que não existem e os golpistas ficam com o dinheiro.

Foco na educação financeira

Para proteger o seu dinheiro dos golpes online a sugestão é simples, desconfie de tudo que oferece retorno fácil sem esforço. Uma dica de ouro é acompanhar nosso blog e estar sempre atento às dicas de educação financeira. Quanto mais você dominar o assunto, mais chances de não ser enganado.

Compras de Natal: 7 estratégias para não se endividar

Com o fim do ano chegando, aumentam os gastos e por isso é necessário ficar atento para manter o orçamento em equilíbrio. Depois de um ano atípico, com guerras, eleições e crises, o fim de ano surge para dar novo fôlego às compras de Natal. Com as festas entre amigos e reencontros familiares, o comércio […]

4 lições que aprendemos com o mercado de figurinhas da Copa

Vamos aproveitar a febre da Copa do Mundo para aprender algumas lições de economia para nosso dia a dia. O futebol é o esporte mais popular do planeta e em época de Copa do Mundo o mercado de figurinhas ganha corpo. Geralmente o esporte  é usado como analogia para tudo o que acontece ao nosso […]

Assine nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos em seu e-mail

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de nossa Política de Privacidade e autoriza a Fido a utilizar suas informações de contato para envio de conteúdos.
A Fido existe pra você!
Geralmente, um banco só oferece um bom empréstimo para quem já tem dinheiro, não é mesmo? E quem precisa de uma ajuda nessas horas, encontra dificuldade, taxas escondidas e juros insustentáveis.
Já quem quer investir suas economias, escolhe entre aplicar em renda fixa, com rendimentos baixos, ou enfrenta a alta volatilidade da bolsa.
A Fido nasceu com o propósito de fazer o dinheiro fluir entre as pessoas. Acreditamos que a relação com o dinheiro deve ser equilibrada, com juros justos para quem precisa e rentável para quem investe.
Seja a transformação! Faça parte da comunidade Fido!
Conecte-se com a gente
contato@fido.com.vc
Entre em contato pelo site
Mantenha-se informado
Cadastre-se para receber nossos conteúdos e atualizações por e-mail
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram